Informação a toda hora!

Loading...

domingo, 11 de janeiro de 2009

Tentando entender

23h15min PM 10 de janeiro de 2009

Estou aqui deitado na minha cama. A luz do banheiro é a única coisa que ilumina o lugar, além de ter um ventilador aqui do meu lado. Acabei de sair do PC e parei para pensar. Mais uma vez.
Esperei que alguma coisa realmente útil surgisse para que eu pudesse ter mais um daqueles meus momentos de “transe profundo” (quando isso acontece nada ao meu redor importa e nessas horas escrevo ou apenas penso) e refletir sobre ele. E finalmente apareceu algo para se pensar e da maneira mais cautelosa possível: o amor. Claro que depois de ler a obra “Fedro” de Platão se tem alguns argumentos e pensamentos coerentes sobre o assunto, claro, juntando com a minha mínima e talvez insistente experiência sobre um sentimento quase inalcançável.
O que poderia dizer sobre algo que desconheço? É verdade. Ninguém, infelizmente sabe amar. Muitos que chegarem a ler esse trecho irão me condenar e dizer que eu estou mentindo e que sabem amar de verdade. Pois eu discordo e eu vou explicar por que. É muito fácil falar “eu te amo” para um amigo, mas para um inimigo? Nem preciso responder. O verdadeiro amor não distingui quem gosta ou não de alguém, quem ama, ama a todos! Independente de ter feito ou não mal para si ou para outra pessoa. Nós ainda fazemos isso, por isso não sabemos amar.
Vingança. Quem um dia não já se vingou ou pensa em se vingar? Vingança é um ato totalmente oposto para quem ama. Nós ainda fazemos isso, por isso não amamos.
Pense agora em sua família. Todo mundo deve achar normal uma briguinha aqui e acolá, dando a justificativa clichê de que isso acontece devido a divergências de opiniões. É... mas vamos pensar no seguinte: amar é entender e perceber que as vezes ou muita das vezes estamos errados. Dizemos quase todos os dias coisas que não deveríamos dizer aos nossos pais, seres que nos deram a chance de estarmos vivos. Se fazemos tudo isso, não sabemos amar.
Namoro, coisa linda de se ver e de se sentir. Vemos todos os dias casais felizes andando como se tudo estivesse perfeito. Não é bem assim. Todas essas pessoas com certeza dizem amar seus parceiros, uns todos os dias e outros não e ainda há casos que isso nem acontece. Vamos também incluir um fato mais sério que o namoro, o casamento. Ambos os casos sofrem por problemas e possessão é um deles. Quem ama não é egoísta e sabe que a pessoas são livres para conviver com quem lhe faz bem. Ciúme. Nada no mundo é exclusivamente nosso e não devemos ter receio de afetos de outras pessoas, por que quem ama não impede que o outro ame, claro, que devemos tomar cuidado com outro caso muito sério: a traição. Muitos já traíram, uns se arrependem, outros não. Quem ama não trai quem diz amar. Ainda sentimos e fazemos tudo isso, por isso ainda não sabemos amar.
As guerras. Nossa... coisa tão simples de se falar até porque “vivemos disso”. Se cada guerra que já aconteceu ou que está acontecendo abastecesse os países pobres o mundo estaria salvo, pelo menos um de seus problemas iria sanar. Quem ama não machuca, não destrói e não mata. A vontade de ser superior, a cobiça e outros sentimentos ruins acabam criando um ciclo vicioso, um efeito dominó nas pessoas, causando uma recíproca, o ódio causando o ódio. Se ainda fazemos isso, não sabemos amar.
Um dia um amigo meu dias depois de terminar com a namorada disse para mim: “ela não sabe amar”. E essa afirmação foi feita com a maior convicção do mundo. Ai eu pensei comigo mesmo: “e será você sabe amar?” e pensei nisso a noite toda até que lembrei neste momento.
Resumindo, ninguém ainda sabe amar, infelizmente. Um sentimento tão superior que ainda esta tão distante de nós, seres tão evoluídos intelectualmente e atrasados emocionalmente. Parece que exercitamos apenas um órgão não é verdade? É isso que eu penso.
Palavras de alguém que não sabe amar. Você acha que eu falei sobre o amor? Não, não... falei sobre outra coisa, o oposto dele. Muita gente pensa que é o ódio, porém é o desamor, pois é isso que eu entendo, é isso que infelizmente todos nos entendemos. Então devemos tentar entender o amor, pois para sentir ou entender alguma coisa é necessário primeiro entendê-la e logo depois tentar praticar (prática é essencial!). Eu estou tentando dar o difícil primeiro passo e você já deu o seu?
Boa sorte! Eu garanto que você só tem a ganhar!

Pedro Maciel

00h45min AM 11 de janeiro de 2009

5 comentários:

Heitor Cardoso disse...

'O verdadeiro amor não distingui quem gosta ou não de alguém, quem ama, ama a todos!' - quem conheceu o verdadeiro amor? e se conheceu, como esse alguem pode afirmar que o que ele conheceu era mesmo amor? quem garante que ele nao cometeu o mesmo erro de quem diz 'eu te amo' corriqueiramente?
Eu nunca pensei em me vingar. Dá trabalho.
'Dizemos quase todos os dias coisas que não deveríamos dizer aos nossos pais, seres que nos deram a chance de estarmos vivos' - é estranho ouvir um cristao dizer isso. Nao foi Deus quem supostamente nos deu a chance de viver?
'Vemos todos os dias casais felizes andando como se tudo estivesse perfeito' - bem, como disse jobim, 'que seja eterno enquanto dure'. A perfeiçao nao precisa perdurar pra ser real. Na verdade, as melhores coisas na vida nao duram muito. O proprio amor, na otica de muitos, nao precisa ser eterno. Tudo acaba. É natural.
Traiçao é algo cultural. Nao pode ser discutido com olhar critico. E se tu prestasse atençao, nao seria uma prova de amor, achar aconchego em outro corpo e ainda assim voltar pro lado de sua amada?
'A vontade de ser superior e outros sentimentos ruins (..)' - é ruim ser ou querer ser superior? qual o sentido de tudo o que tu faz? todo o aprendizado de uma vida? o impirismo? Ja pensaram nisso antes, e o nome desse pensamento é NIILISMO.
As guerras. A tragedia é necessaria.
'Resumindo, ninguém ainda sabe amar' - ... Nao vou comentar.
E citando nietzsche: sempre há um que de loucura no amor, e um quê de razao na loucura.

Mas aprecio o teu pensamento..

Pedro Maciel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Pedro Maciel disse...

'O verdadeiro amor não distingui quem gosta ou não de alguém, quem ama, ama a todos!' - muitas pessoas ja conheceram e viveram esse amor, muitos exemplos vc ja deve ter ouvido falar que ja pisaram nesse mundo e tirando por esses exemplos vc pode ver quem realmente pod ter conhecido o verdadeiro amor por meios das suas atitudes q vc mesmo jamais teria coragem de fazer.
a vingança tambem esta num simples ato de não fazer alguma coisa por alguem q te chateou ou te deixou zangado,isso é dar o troco e não me parece muito distande da propia vingança, nós somos imperfeitos e estamos sujeitos a isso contantemente e dizer q nunk pensou ou se vingou eu acho uma mentira.
'Dizemos quase todos os dias coisas que não deveríamos dizer aos nossos pais, seres que nos deram a chance de estarmos vivos' - como disse Chico Xavier : "Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor... Magoar alguém é terrível!"
Deus criou uma forma de seus filhos virem a esse mundo e foi por meio da gestação. os homens e mulheres seres nesse estagio muito mais poderosos e fortes do q as criaturas q estão a mercê de sua vontade de nascer ou não. se seus pais não quisessem que vc, vc nem estaria escrevendo aq agora. alias, nunk vi ate hoje um ser humano surgir no nada (não q Ele não seja capaz de fazer isso, pois sabemos q pode, porem não é o caso).
'Vemos todos os dias casais felizes andando como se tudo estivesse perfeito' - nada nesse mundo é perfeito, vivemos em um grande caos! o amor ainda esta muito distante, quando ele estiver presente, ai sim tudo será perfeito.há coisas sim que duram pq algumas delas dependem de nossa vontade, nós temos nosso livre arbitrio para fazer oq bem entendemos e podemons nós mesmos destruir nossa vida e dar fim em tudo ou não.tudo não acaba, se transforma, tudo em nossa volta é energia, nós mesmos somos pura energia. um exemplos bem simples: o odio não acaba, ele se transforma em amor e vice e versa. não cheguei a falar em eternidade, por isso nem vou comentar.
traição não é algo natural, nós é q banalizamos e e se é cultural é pq não estão a parte do Ele falou, pq nem todos estão prontos para entender ou não tem como chegar a informação (não estou julgando nenhuma cultura, pois todas elas são de grande importância em todos os sentido e necessidades da humanidade, porem uma cultura esta em eterna mudança, pq tudo muda). ja dizia um dos madamentos de Deus: "não cobiçarás a mulher do proximo" e isso tem uma ligação direta, pq se eu não desejo outra pessoa q esta compromissada eu não estou sujeito a fazer essa pessoa trair. ate no catolicismo, religião q eu não faço parte, no momento do casamento se diz "ate q a morte nos separe" (mesmo isso nem acontecendo)e isso quer dizer compromisso com alguem q vc diz amar. eu não gostaria de saber q fui traido e acho q vc tbm, e pelo seu ponto de vista, vc ja deve ter traido e com certeza, se vc disser "nao seria uma prova de amor, achar aconchego em outro corpo e ainda assim voltar pro lado de sua amada?" para uma pessoa q esta enteressada em vc, pod ter certeza e em sã conciencia ninguem concordará com vc. eu vejo q isso é uma opinião sua, mas equivocada ao meu ver. e como disse Paul Bruton: "Que não sejamos desleais ao bem que está em nós por uma submissão covarde ao mal que está na sociedade."
'A vontade de ser superior e outros sentimentos ruins' - caso vc não percebeu eu não falei sobre subir na vida, querer ser alguem bem sucedido e nem citei q isso é errado. porem vc deve concordar comigo que vc não acharia uma coisa normal ou prazerosa se nosso pais estivesse em guerra e invadissem sua casa e matassem todos os seus familiares e depois seus amigos. será mesmo q a tragedia é necessaria? ou nós nunca nos preocupamos em ver outro modo de resolver as coisas? os grandes cantores q vc vive ouvindo não concordaram que a tragedia é necessaria, pq se achassem isso não reivindicariam por meio de suas musicas tudo q estava acontecendo naqla época.como disse Allan Kardec :"O homem é assim o árbitro constante de sua própria sorte. Ele pode aliviar o seu suplício ou prolongá-lo indefinidamente. Sua felicidade ou sua desgraça dependem da sua vontade de fazer o bem." e Mª do socorro cardoso xavier:"A guerra é a maior estupidez humana. Violência não se extingue com outra violência pior."
'Resumindo, ninguém ainda sabe amar' - vc sab? nesse texto não falei do amor, como ja disse falei do desamor, pq eu entendo ele, pois eu faço tudo isso, como todo ser humano, estamos juntos no mesmo barco e muita das vezes com as mesmas imperfeições (traição, tratar mal os pais, mentir, matar, machucar animais, tratar mal as pessoas por meio da cor, religião ou opção sexual, agredir, sentir inveja,odiar e muitos outros)
e terminando, o amor é algo distante, porém não é inalcançavel.

Anônimo disse...

Caro Pedro, uma reflexao profunda sobre o amor, a sua. Entendo que Amar é um verbo virtual na Terra. Com certeza estamos nesse planeta para aprender a amar. Aliás, qual seria outro objetivo? Jesus nos ensinou: Amai-vos uns aos outros, como a si mesmo. Nesse ponto, chegamos a concluir que não amanos ninguem, pois ainda não aprendemos a amar a nós mesmo. Ou seja, o que Jesus nos ensinou 2000 anos atrás ainda vale nos dias de hoje. Mas Jesus nos ensinou que se amarmos a nós mesmo, saberemos amar o proximo, pois o que quisermos pra nós desejaremos para o outro. Agora, sobre o relacionamento entre duas pessoas de sexo diferentes que se dizem amar o outro, percebemos muitas vezes uma cultura em ação. Os namorados dizem isso um ao outro por que o clima "amoroso" leva a isso, mas no momento em que um arrefece sensação de bem estar ao estar ao lado do outro, o que ainda vive com muita intensidade essa sensação começa a sentir o descompletamento da relação e sofre. É quando o verdadeiro sentimento do amor deveria se fazer presente e ocorre o contrario. Deixar o outro livre para ter outro rumo e/ou outra relação representa uma perda de dificil aceite e então só com muito custo se acostuma com essa situação e diz-se que um dia chegou a amar muito. O Romantismo não deve ser confundido com o Amor é o que gostaria de ficar claro nessa reflexão.
DOMICIO

Anônimo disse...

Olá amigo, vi este texto publicado em um outro site, mas com um outro autor. Caso o texto seja mesmo de sua autoria, envie um email para redacao@camacarifatosefotos.com.br pedindo a retificação.

http://www.camacarifatosefotos.com.br/cff_fatos.php?cod_fato=24298